quinta-feira, janeiro 11, 2007

Ctrl C + Ctrl V

“...existe apenas um pecado só. E esse pecado é roubar. Qualquer outro é simplesmente uma variação do roubo. Entende o que estou dizendo?...”
“...Quando você mata um homem, está roubando sua vida... Está roubando da esposa o direito de ter um marido, roubando dos filhos um pai. Quando mente, está roubando de alguém o direito de saber a verdade. Quando trapaceia, está roubando o direito à justiça. Entende?...”
“...Não há ato mais infame do que roubar... Um homem que se apropria do que não é seu, seja uma vida, ou uma fatia de
naan... Cuspo nesse homem... E se alguma vez ele cruzar o meu caminho, que Deus o ajude. Está entendendo?”

(Baba, pai de Amir, em “O Caçador de Pipas”, de Khaled Hosseini)

Um comentário:

Lou Mello disse...

O Francis Schaeffer achava que era Não cobiçar e Jesus preferia a falta de amor a Deus e ao próximo. Parece que todos os mandamentos se interligam. Vai ver foi Deus mesmo quem os criou. O fato é que eles trazem o pecado à luz, seja qual for e pecado dá raiva.