sábado, setembro 23, 2006

Jeitinho e jeitinho...

Meu amigo Paulo Moreira Leite informa no seu blog no Estadão que metade dos brasileiros concorda com o "jeitinho brasileiro" e pergunta a opinião ao leitor.
Concordo com um tipo de jeitinho nosso. Dou exemplo:
Há anos, uma bibliotecária foi fazer um estágio em uma imensa biblioteca americana, em Washington. Lá havia à disposição os mais avançados recursos. Pediram-lhe para fazer uma tarefa e deram-lhe uma explicação e um prazo. Ao fim da metade do prazo, a brasileira procura sua chefia para entregar a tarefa feita e perguntar o que mais poderia fazer. Recebeu uma bronca pois não esperavam que realizasse o serviço em tão pouco tempo. Afinal, eles não sabiam o que mais dar pra ela fazer, a não ser quando chegasse o prazo que lhe haviam dado!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Esse jeitinho eu admiro. Muito.
Quanto ao outro, o famoso "levar vantagem em tudo, certo?", esse abomino como uma praga que dizima o povo brasileiro; talvez o pior dos nossos males.

Um comentário:

Lou disse...

Talvez isso venha de nossa educação cheia de multiplas escolhas, resumos, apostilas, etc...
Nesse mundo não há mais espaço para seres pensantes, empreendedores cultos e com experiência. Vale o fast food, o bolsa família, a mão de obra barata. As tais ovelhas caminhando para o matadouro. Vá tentar dissuadi-las, pra você ver.