quarta-feira, novembro 08, 2006

Pão, pão; queijo, queijo. Mas o preço... ó!!!

Arrepio-me toda vez que o governo se propõe a ajudar o povo. A mais recente atrapalhada foi quando, a título de favorecer a população mais carente e impor um sistema mais justo, o governo implantou a venda do pãozinho francês por peso.

Fui, hoje, comprar 6 pãezinhos. Normalmente pagaria R$ 0,90 por eles, ou até R$ 0,60, se comprasse entre segunda e quinta-feira (e hoje é quarta).

O saquinho com os pães veio com a etiqueta de peso e preço: R$ 1,06. Paguei e saí pensando: “Quando é que os governantes vão aprender? Acho que nunca, já tão falando em aumentar a carga tributária... Será que não percebem que os impostos sufocam o pobre e não o rico, pois este tem como se proteger?”

Ficamos assim: “Tá ruim, mas é melhor não mudar porque senão fica pior...”

Pois é...

3 comentários:

Lou Mello disse...

Melhor cê parar de comer pão. Já passou da idade. Por isso aumentaram. O povo está obeso. Com certeza o preço de legumes e frutas vai cair. Pode aguardar.

Chris disse...

Vou abrir uma padaria...rs...
Christiani Rodrigues
www.de-ponta-cabeca.blogspot.com

Felipe disse...

Horrível isso. Sempre comprava pão com o dinheiro certo, agora tenho que incluir moedas e nem sempre o caixa têm o troco. E olha que eu exijo, mesmo que for apenas dois ou três centavos. Creio que esse seja o maior problema com esse novo sistema, o troco.